Olimpíadas de Tóquio: Com apenas 13 anos, Rayssa Leal faz história e é prata no skate

Olimpíadas de Tóquio: Com apenas 13 anos, Rayssa Leal faz história e é prata no skate

- EmBrasil, Destaques, Esporte, Mundo
Share Button

Ouro ficou com a japonesa Momiji Nishiya, também de 13 anos, cinco meses mais velha que Rayssa

jovemsadfA brasileira Rayssa Leal, de apenas 13 anos, conquistou a segunda medalha de prata da delegação brasileira, na madrugada desta segunda-feira (26), em Tóquio. Conhecida como “fadinha”, a atleta é a mais jovem da história do Brasil a conquistar uma medalha nas Olimpíadas.

Aos 13 anos e 203 dias, Rayssa superou o recorde de Rosângela Santos, bronze em Pequim 2008 com 17 anos no 4x100m do atletismo. Além disso, a Fadinha se tornou a mais jovem brasileira a participar dos Jogos. A marca anterior era de Talita Rodrigues, nadadora que foi finalista no 4x100m livre em 1948, nos Jogos de Londres. Na ocasião, tinha 13 anos e 347 dias.

O ouro ficou com a japonesa Momiji Nishiya, também de 13 anos, cinco meses mais velha que Rayssa. A skatista somou 15,26 na final, à frente dos 14,64 da brasileira. A também japonesa Funa Nakayama completou a dobradinha da casa no pódio, com 14,49.

Facebook comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *