Menina passa mal em razão de embriaguez e é vítima de estupro coletivo

Menina passa mal em razão de embriaguez e é vítima de estupro coletivo

Uma estudante de 18 anos foi estuprada por ao menos três rapazes, na noite de sábado (16/9), na região central de Peruíbe, litoral sul do estado de São Paulo. Um dos suspeitos teria gravado o estupro usando a câmera de um celular. A jovem, que estava embriagada, desmaiou durante o ataque e só voltou a si quando já era atendida na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da cidade. Na tarde desta segunda-feira (18), a Polícia Civil deteve três suspeitos do crime – dois deles menores de idade.

A garota contou que estava conversando e bebendo com amigos na Praça Melvin Jones, próximo do terminal de informações turísticas de Peruíbe, quando começou a passar mal em razão da embriaguez. Três rapazes se dispuseram a levá-la para casa, mas, no trajeto, a carregaram para o banheiro do estacionamento de um edifício, a uma quadra da praça. A estudante relatou que, nesse local, foi jogada ao chão, teve as roupas arrancadas e foi estuprada. Antes de desmaiar, ela viu um deles usando o celular para filmar o outro que a violentava.

De acordo com o delegado Bruno Mateo Lázaro, pela imagem de câmeras instaladas na praça e pelo depoimento de testemunhas, foi possível identificar os dois suspeitos menores. Eles são moradores do prédio em cujo estacionamento a vítima foi violentada e indicaram o cúmplice maior de idade. Exames preliminares realizados no Instituto Médico Legal (IML) confirmaram que houve abuso sexual. Além disso, a jovem apresentava hematomas e ferimentos nos braços.

 

*Informe Baiano 

Share Button

Facebook comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *