Discussão das ações e medidas de combate e enfrentamento ao Coronavírus no município será pauta da 47ª sessão ordinária nesta terça (16)

Discussão das ações e medidas de combate e enfrentamento ao Coronavírus no município será pauta da 47ª sessão ordinária nesta terça (16)

- EmSimões Filho
Share Button

A 47ª sessão ordinária presencial e remota nesta terça-feira (16), no plenário da Câmara, será dedicada exclusivamente para discutir as ações e medidas de combate e enfrentamento ao Coronavírus. O Momento Covid-19, intitulado por iniciativa do vereador Eri Costa (MDB), tem o apoio dos edis na análise referente às estratégias já adotadas pelo Executivo contra a pandemia no município.

Decisões preventivas e restritivas e possíveis impactos causados pelo Coronavírus serão pauta da sessão desta terça, em que os edis apresentam um panorama do vírus no município e discutem a eficiência e eficácia das ações e medidas voltadas ao combate e enfrentamento da Covid-19 na cidade.

No plenário, os vereadores analisam o balanço das ações e medidas já tomadas pelo governo municipal para conter o vírus, a exemplo da instalação de um hospital de campanha com a disponibilização de leitos disponíveis para o atendimento da população e a contratação de novos profissionais da área da saúde na linha de frente no combate e enfrentamento contra o Coronavírus.

Os vereadores reforçam a argumentação de que a situação crítica e urgente relacionada à pandemia do Coronavírus pode sobrecarregar os sistemas de saúde e levar a uma maior demanda do serviço médico.

Os parlamentares defendem que é necessário fortalecer os serviços de saúde, a partir da atenção básica, mapeando as unidades e leitos que precisam de investimento e que devem ser usados, caso haja um aumento do número de casos.

O desafio, segundo os edis, é fazer bom uso dos recursos hospitalares e resguardar o grupo que pode desenvolver a versão aguda da doença: idosos e pessoas portadores de doenças crônicas pré-existentes.

Outro assunto levantado foi à disponibilização de testes rápidos para se diagnosticar casos específicos da doença.

Uma das preocupações levantadas pelos membros da Comissão Especial de Saúde da Câmara que discute o combate à pandemia de Coronavírus (Covid-19) é a necessidade de recursos para garantir um bom atendimento nos sistemas de saúde. Os integrantes do colegiado são unânimes em afirmar que é preciso reforçar o caixa do município para que o sistema de saúde esteja preparado para lidar com o acréscimo do número dos casos.

O presidente da Casa, vereador Orlando de Amadeu, assim como todos os demais edis, destacou a necessidade de garantir mais recursos aos sistemas públicos de saúde. “A Câmara de Vereadores está à disposição para discutir não apenas leis, mas principalmente soluções que envolvam o orçamento nos custos emergenciais, a fim de dar a sustentação necessária ao município”, disse.

Os parlamentares asseguram apoio às demais ações e medidas adotadas pelo prefeito Diógenes Tolentino a partir da edição e publicação de decretos municipais para evitar a aglomeração de pessoas, bem como o risco de contágio, proliferação e transmissão do vírus entre a população simõesfilhense.

Entre as ações e medidas adotadas, estão à suspensão de funcionamento de academias de ginásticas, aulas nas escolas públicas e particulares, cultos e missas presenciais, bares, restaurantes e casas de show, bem como o fechamento de comércios.

A preocupação com a crise econômica gerada com o fechamento de comércios para o distanciamento e o isolamento social não deixou de ser levantada pelos parlamentares que reconhecem as dificuldades, mas consideram que agora não é o momento de se retomar as atividades, para evitar alta curva de pessoas infectadas pelo vírus.

Durante a crise causada pela pandemia do Covid-19, os vereadores reforçam que é preciso deixar de lado as diferenças políticas e partidárias e defendem que o bom senso entre os parlamentares deve prevalecer para promover a união no combate do vírus.

O mandatário do Legislativo Municipal parabeniza e agradece o esforço e o empenho dos vereadores no combate ao Coronavírus na cidade. “Neste momento, precisamos nos unir e todas as discussões e tudo o que está sendo feito, é pensando no bem-estar e saúde da população. A Câmara de Vereadores está atenta e procurando as melhores alternativas para combater este vírus e superar esse momento”, destacou.

Na visão do presidente, é necessário evitar o pânico e agir a partir de informações corretas e eficientes para orientar a população. Além disso, alertam a necessidade dos munícipes usarem máscaras, higienizar as mãos com água e sabão e álcool em gel 70% e ficarem em casa para conter o avanço do vírus.

Casos

Simões Filho registrou até o dia 14 de junho 474 casos confirmados da doença, 8 suspeitos, 21 óbitos, 396 casos descartados e 170 casos recuperados, de acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde.

Sessão remota

Além da realização da sessão presencial, a Câmara passou também a utilizar este sistema de videoconferência para garantir a continuidade dos trabalhos legislativos diante da pandemia do Coronavírus.

O presidente da Câmara, vereador Orlando de Amadeu (PSDB), destacou a importância da sessão e ressaltou que é preciso ampliar o alcance da informação correta sobre o Covid-19 na cidade.

A 47ª sessão ordinária presencial e remota será transmitida pela página oficial da Câmara no Facebook (www.facebook.com/camarasimoesfilho), pelo site institucional do Legislativo (www.camarasimoesfilho.ba.gov.br) e também pela Rádio Simões Filho FM 87,9.

Fonte: Ascom CMSF

Facebook comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *